Roberto Mancini: "As derrotas acontecem com uma agenda tão ocupada"
Adicionado | Autor Rafael Sanches | Comentários

O chefe do Zenit falou sobre a partida.

Como você se sente sobre a derrota em casa?

Este é um daqueles jogos onde tínhamos muitas oportunidades, mas simplesmente não conseguimos aproveita-las. Isso é o que acontece quando você não dá o seu melhor. Acontece às vezes.

Você subestimou seus oponentes?

Temos um horário muito apertado, estamos jogando quase todos os três dias, então as mudanças na equipe são necessárias. O que aconteceu, hoje, pode acontecer. As derrotas acontecem com uma agenda tão ocupada. Não subestimamos o adversário.

Existe uma chance para os jogadores que jogaram hoje ganhar um lugar na equipe principal? Lodygin, por exemplo, ele é o seu goleiro de segunda escolha ou ele tem a chance de se tornar o número 1?

Temos uma situação difícil com os goleiros. Temos dois goleiros muito bons. Nos jogos anteriores, Lunev começou e jogou muito bem. Hoje, Yury Lodygin começou e também jogou muito bem. Esta não é a pior opção quando você tem dois bons goleiros.

Qual foi o problema de lesão de Javi Garcia?

Ele teve um problema com o músculo dele.

Mammana já chegou em São Petersburgo. Quais são as chances dele de fazer a formação inicial contra o Spartak?

Ele veio na terça-feira e acabou de ter um treinamento curto. A decisão sobre quem iniciamos no jogo com o Spartak será tomada na manhã do dia do jogo. Se ele começar dependerá de sua condição física.

Você pode nos atualizar sobre a situação da lesão de Shatov?

Ele não tem nenhum problema muscular, mas um problema com suas terminações nervosas. Eu acho que amanhã ele começará a treinar.


Melhores momentos

Voltar a lista